sobre... Jesus

"Tu nada temas
Nada te espante
Pois tudo passa
Deus nunca muda
A paciência, tudo alcança
Quem a Deus tem nada lhe falta"

Hoje enquanto escutava, apercebi-me que conheço muitas pessoas, mas nenhuma é como eu no sentido do viver. Sinto-me meia frustrada com a leveza que a maior parte das pessoas leva a vida e encara as coisas. Tudo é levado de um forma muito soft. "Para quê viver isso intensamente se me posso magoar? Ao menos assim vivo o presente e não sofro no futuro!"...O que interessa dizer que se vive o presente, se se passa por ele tão à superfície que nem lhe chegam a tocar?
Eu não consigo viver as coisas à superfície, isso não me chega. Já bati muitas vezes com a cabeça (e com o coração), mas olho para trás e vivi. Vivi! Gosto de viver até ao mais fundo que o bom me pode dar, gosto de absorver cada experiência e acrescentá-la à alma.
Fico triste...fico triste sobretudo na relação que algumas pessoas que se dizem "crentes" têm com Deus. Para elas é o Deus do "já somos quase amigos, e a minha quase fé chega-me! Eu vivo bem nesta minha filosofia de vida. De vez em quando até me lembro de falar com Ele, mas não muito tempo". Não há amizade sem relação. Quando gostamos muito de uma pessoa, queremos saber mais sobre ela: com quem anda, com quem vive, o que acha disto e daquilo... e é assim que eu vejo que deva ser a relação com Deus. "Como tens andado? Desculpa lá se não Te tenho procurado muito, ou não tenho arranjado tempo para ti. Obrigada de quaquer forma por não desistires de mim".
Às vezes falo de Deus (acho que falo muitas vezes, porque Ele faz parte de mim) e até pessoas que são crentes desviam o assunto, e não elevam a fasquia desta amizade segura que podem construir... Hoje é disto que me queixo...em tom de desabafo...são só as coisas que me andam na cabeça e despenteiam o coração.
Ando muito ansiosa para o Acantonamento! Mais até que pela viagem a Londres (que é já Sexta que vem). Quero transmitir de uma vez por todas que Deus é Alguém que está presente em tudo, mesmo que nós não O façamos presente. Não custava nada retribuirmos com uma horinha da semana a visitá-Lo, fazemos tanta coisa fútil.
Hoje Jesus, quero dizer-Te: Gosto mesmo de Ti! Mesmo mesmo! E da presença que Tens na minha vida! Já não sei o que seria de mim sem a Tua amizade! Agradeço-Te mesmo todas as birras que me aturas, e por me desculpares quando me zango conTigo (todas as amizades têm disso). Confio em Ti, porque sei que estás sempre aí para me pegar ao colo e limpar as minhas lágrimas. Tu sim, vales a pena!!!

Obrigada!
Tua Rita

4 comentários:

Anónimo disse...

aonde é que eu posso ouvir essa música?

RitaDuque disse...

Esta música cantamos num coro do qual faço parte. Acho que não podes ouvir em lado nenhum a não ser nas missas...

Anónimo disse...

Muito obrigado, eu já cantei esta música numa missa (tinha era depois um final com "so deus basta, aleluia"), mas gostava de fazer o download para o mp3... paciência

BOA PÁSCOA

RitaDuque disse...

Pois...:) Também não posso ajudar...
Boa páscoa também!