Desabafos...

Não percebo o mundo.
Cada vez mais, acho que não sou de cá...Não percebo atitudes de certas pessoas, umas nem conheço (mas também não quero obrigada), outras conheço mas são tão diferentes do que eram que já nem sei.
Parece que as pessoas em vez de crescerem, decrescem. Mentalmente claro! Andam para trás, tornam-se mais fúteis, mais superficiais, mais ocas, esquecem-se do que alguma vez viveram.
Hoje em dia acho que há raparigas que fazem figuras ridiculas perante o mundo masculino. Não há valores. Raparigas que comentam tudo e mais alguma coisa, de todo e qualquer rapaz, comentários que só levam a Sexo. Geração rasca, nós jovens? Não! Mas há pessoas que fazem com que os mais velhos generalizem e nos considerem a nós- jovens com objectivos- geração rasca!
Nos nossos dias acho que o que existe principalmente é exagero. Tudo é "perfeito", diz-se muitas vezes "és tão perfeito", "amo-te demais", "que perfeição", "és minha/meu", "amor" "amor" "amor", amor para aqui e para ali, está tudo muito cheio de amor, mas será que é mesmo Amor? Não me parece, as pessoas vulgarizaram a palavra e talvez o sentimento. As pessoas precisam de crescer e dar mais valor ao que realmente importa, que é a construção saudável de relações, mas disso ninguém quer saber. Confiança é a base de tudo, com estas mentalidades novas, estamos a afastar-nos do essencial.
Porque é que as coisas não mudam para melhor? Porque ninguém se esforça!

Rita

2 comentários:

Arte e Criação disse...

Olá!

Chamo-me Daniela e gostava de apresentar o meu blog com peças feitas por mim.

www.art-and-creation.blogspot.com

Muito obrigada! =)

jd disse...

Muito bom, muito profundo, tocante e verdadeiro!...escrito por alguem com um bom coração e um bom sentido critico...